Sustentabilidade

Zurich e Banco CTT lançam seguro de investimento sustentável

Zurich e Banco CTT

Zurich e Banco CTT lançam seguro de investimento sustentável

• Clientes podem, através do produto “Banco CTT Investimento Sustentável”, investir em fundos de empresas que cumprem critérios de sustentabilidade.
• O produto vai também apoiar a criação de hortas BIO em 14 escolas nacionais do Programa ECO-Escolas da Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE).

A Zurich está a lançar um novo seguro Vida unit-linked de investimento sustentável, em parceria com o Banco CTT. O produto “Banco CTT Investimento Sustentável” – cuja carteira de ativos subjacentes é composta por fundos de empresas com critérios de sustentabilidade -, é um exemplo de inovação da Zurich no desenvolvimento de produtos que aceleram o progresso rumo à prosperidade do planeta.

Como um dos maiores gestores globais de soluções unit-linked, é com enorme motivação e esperança que disponibilizamos a possibilidade de os clientes investirem em empresas com critérios de sustentabilidade, que vão de encontro aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável definidos na Agenda 2030 das Nações Unidas. Queremos, com os nossos colaboradores, parceiros e clientes, ser parte da solução no combate às alterações climáticas”, afirma Ana Paulo, Head of Life e Membro do Conselho de Administração da Zurich.

O “Banco CTT Investimento Sustentável” permite que os clientes invistam em ativos sustentáveis e acompanhem – através de um relatório com KPI’s (Key Performance Indicators), emitido pela MainStreet Partners, uma entidade independente -, o impacto positivo que estão a gerar no sentido de contribuírem para um mundo mais equilibrado e sustentável.

No âmbito do lançamento deste novo produto, a Zurich e o Banco CTT associaram-se ao Programa ECO-Escolas da Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE) para apoiar o projeto Hortas BIO e contribuir para a criação de hortas em 14 ECO-escolas nacionais. Apoiar estas hortas escolares cultivadas de modo biológico, pelos próprios alunos e professores, é uma forma de educar e sensibilizar as comunidades escolares e locais para temas relacionados com a sustentabilidade, tais como as práticas de agricultura biológica ou a alimentação saudável e sustentável.