Inovação

SIBS lançou plataforma API para o ecossistema de pagamentos

Conheça o segredo do sucesso no omnicanal

A plataforma conta com a participação de 18 entidades de referência em Portugal que já aderiram à infraestrutura.

A SIBS lançou um API Market que é, segundo a empresa, a primeira plataforma nacional do género. Agrega 18 entidades financeiras de referência e permitirá impulsionar o ecossistema de pagamentos e serviços financeiros.

Segundo a informação disponibilizada pela empresa, Portugal é o “primeiro país da Europa a ter uma infraestrutura única de API de acesso a 95% das contas bancárias, cumprindo a visão da Directiva de Serviços de Pagamento (PSD2)”.

A partir de agora, numa ambiente de sandbox, qualquer fornecedor de serviços de pagamento (PSP, na sigla em inglês) pode testar as ligações à infra-estrutura e às API portuguesas definidas pela directiva PSD2.

A saber: consulta de saldos e movimentos, iniciação de pagamentos e consulta da disponibilidade de fundos. A SIBS sublinha que a “disponibilização da plataforma antecipa os prazos constantes da legislação e foi possível graças à participação de 18 entidades de referência em Portugal que já aderiram à infraestrutura”.

Plataforma agrega 95% das contas bancárias nacionais

Além da universalidade da plataforma, que agrega 95% das contas bancárias nacionais, o SIBS API Market tem três factores distintivos que o destacam entre os seus pares europeus:  assenta num único standard, é disponibilizado através de uma única ligação numa plataforma tecnológica com os mais elevados padrões de alta disponibilidade e resiliência, e é assistido por uma equipa única e especializada a prestar todo o apoio no acesso e utilização da infraestrutura.

A plataforma de Open API da SIBS dá oportunidade ao desenvolvimento de serviços inovadores e modelos de negócio de valor acrescentado, tirando partido do contexto impulsionado pela nova Directiva de Serviços de Pagamento (PSD2) e acompanhando a actual evolução do mercado dos pagamentos, altamente dinâmico e competitivo.

A plataforma será igualmente um hub de atracção de startups e fintechs que queiram colaborar com as actuais entidades financeiras, cujas API estão disponíveis, e prestar novos serviços e soluções no mercado nacional, e todas as entidades que neste novo paradigma de prestação de serviços e colaboração, pretendam expor as suas próprias API.

“Este dia marca um novo ciclo na história dos pagamentos e dos serviços financeiros em Portugal. O desenvolvimento do SIBS API Market foi um grande desafio, mas acima de tudo uma oportunidade. Demonstrámos uma vez mais que somos pioneiros, através do lançamento de uma plataforma absolutamente fundamental para o país, que contribuirá para que Portugal continue a ser reconhecido como um país de vanguarda em evolução tecnológica promotor da economia digital e de uma sociedade mais cashless”, sublinha Madalena Cascais Tomé, CEO da SIBS.