Internacionalização

Revolut prepara entrada nos EUA em parceria com a Mastercard

Revolut e Mastercard entram no mercado norte-americano

A entrada no mercado dos EUA deverá acontecer ainda este ano. A Revolut passa a estar presente em 210 países e territórios

A Mastercard e a Revolut anunciaram esta terça-feira uma parceria que vai permitir à Revolut lançar os seus cartões, emitidos pela Mastercard, nos EUA, até ao final do ano.

A parceria permite à Revolut emitir cartões para entrada nos EUA com a Mastercard e representa um marco importante, pois a Revolut passa a estar presente em 210 países e territórios, revelam as empresas em comunicado conjunto.

A Mastercard tem desenvolvido uma forte parceria com a Revolut desde o seu lançamento, em 2015. A Revolut participou no programa de aceleração Start Path da Mastercard.

De acordo com comunicado de imprensa, Mastercard e a Revolut, em conjunto, “tiveram um grande sucesso em toda a Europa, garantindo serviços financeiros inovadores para os consumidores, desde a gestão diária do seu dinheiro até à criação de soluções líderes no mercado de câmbio”.

O anúncio de hoje confirma que as duas empresas terão uma parceria para, pelo menos, 50% de todos os cartões existentes e futuros emitidos pela Revolut na Europa. Além da Europa, o acordo também permitirá à Revolut cumprir as suas ambições de alcance global, sendo a principal a oferta de serviços financeiros aos consumidores nos EUA.

Até ao final do ano, as marcas lançarão as primeiras soluções da Revolut para o mercado norte-americano. A expansão global também permitirá à Revolut alcançar mercados na região Ásia-Pacífico e América Latina, como: Austrália, Singapura, Japão, Nova Zelândia, Brasil e México. Só nos Estados Unidos, a Revolut tem já mais de 120 mil clientes em lista de espera.

“Como parceira de lançamento da Revolut, a Mastercard tem contribuído muito para o nosso sucesso. O acordo de hoje permite-nos atingir o ambicioso objetivo de oferecer soluções financeiras e de pagamento para clientes em todo o mundo”, disse Nik Storonsky, fundador e CEO da Revolut.

Por seu lado, Michael Miebach, diretor de produtos da Mastercard, avança que “o sucesso da Revolut e a velocidade de penetração em novos mercados, como os EUA, são uma prova do nosso compromisso com empresas de tecnologia da informação. A ampliação do alcance desta parceria permitirá a milhões de pessoas em todo o mundo beneficiar tanto da nossa presença global como dos serviços financeiros inovadores da Revolut”.

Adicionalmente, a parceria também permitirá à Revolut acolher algumas das mais recentes tecnologias da Mastercard nos seus produtos e soluções. Alavancará, por exemplo, a plataforma Send da Mastercard.

Na Europa, a Mastercard é a parceira de eleição de mais de 60 bancos e fintechs digitais, número que duplicou nos últimos dois anos. O Mastercard Start Path, no qual a Revolut ingressou em 2016 como startup, “é um programa premiado que permite a startups de tecnologia em estágio avançado sejam escaladas rapidamente através do acesso sem paralelo à tecnologia, à experiência e às parcerias globais da Mastercard”.