empreendedorismo

Portugal Fintech promove investimento no setor

Serviços de IT para setor financeiro

Portugal Fintech, APBA e IFD promovem Angels@Work goes to Fintech House: “Investimento de Business Angels em Fintech e as soluções financeiras em Portugal”

A Portugal Fintech, em parceria com a APBA (Associação Portuguesa de Business Angels), e o apoio da IFD (Instituição Financeira de Desenvolvimento), apresentam o evento Angels@Work goes to Fintech House: “Investimento de Business Angels em Fintech e as soluções financeiras em Portugal”.

A sessão decorrerá, 4 de fevereiro, na recém-inaugurada Fintech House, em Lisboa, e tem como desígnio dar a conhecer os mais recentes resultados da Fintech em Portugal aos investidores de tecnologia, ao mesmo tempo que apresenta aos empreendedores nacionais soluções financeiras à disposição das PME portuguesas.

O momento servirá ainda para as cinco start-ups do setor fintech selecionadas apresentarem, aos investidores presentes no auditório, os seus disruptivos modelos de negócio, por forma a encontrarem novas soluções financeiras capazes de alavancar o desenvolvimento do ecossistema de early stage.

O Fundador da Portugal Fintech, acredita que “o Fintech em Portugal tem crescido aceleradamente” e o facto de “poder apresentar o Report do estado do Fintech em Portugal aos investidores de tecnologia está totalmente alinhado com a missão da Portugal Fintech”. Para João Freire de Andrade, “ao partilhar os dados mais atualizados do sector e simultaneamente ter fundadores de Fintech a apresentar as suas empresas será a forma mais adequada de juntar o ecossistema, em especial por acontecer, na Fintech House, recentemente inaugurada”.

Integrado no ciclo de eventos Angels@Work – screening de start-ups, networking e partilha de oportunidades de investimento criado pela APBA, é, segundo um dos membros da direção da entidade, “uma grande oportunidade de dar a conhecer as novidades no vertical de Fintech em Portugal, cuja importância no panorama nacional é neste momento incontornável”. Segundo Pedro Cerdeira, “além da apresentação do relatório do setor e de soluções de financiamento” será “também possível conhecer alguns projetos inovadores do setor”. desta forma que a APBA deseja “contribuir para a promoção e o desenvolvimento de projetos transformadores, capazes de impactar positivamente a economia e a sociedade”.

Para Frederico Serras Gago, administrador executivo da IFD, “o fintech, nas suas várias vertentes, tornou-se uma área incontornável do empreendedorismo tecnológico, na qual Portugal tem capacidade de singrar a nível europeu, conjugando inovação, investimento público e privado em capital de risco, e uma relação estreita com clientes corporate, reguladores e incumbentes do setor financeiro”.