Inovação

CGD lançou app que agrega contas de diferentes bancos

Conheça o segredo do sucesso no omnicanal

Com app da CGD, os utilizadores podem consolidar a informação de várias contas à ordem

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) anunciou o lançamento de app Dabox para smartphone que permite a integração de informação proveniente de outros bancos.

As funcionalidades agora disponibilizadas devem-se à possibilidade de agregação de informação bancária, contemplada pelo open banking e pela revisão da Diretiva de Serviços de Pagamentos (PSD2).

Além das contas da CGD, os utilizadores podem adicionar à app, contas à ordem de outros bancos a operar em Portugal, passando a ter “uma visão integrada das suas disponibilidades financeiras”.

Através de um motor analítico, a app classifica os movimentos em diversas categorias como por exemplo Lar, Alimentação, Transportes, Compras, Lazer ou Saúde.

Dabox ajuda na gestão do orçamento do utilizador

A app apresenta também um conjunto de “dicas personalizadas sobre a gestão do seu dinheiro”. O utilizador pode saber, a qualquer momento “quanto dinheiro tem para gastar até ao final do mês e em que categorias está a gastar o seu rendimento”. Além disso, pode receber alertas em caso de “débitos duplicados, movimentos estranhos ou a ocorrência de saldos anormalmente baixos”.

Adicionalmente, o utilizador também pode definir objetivos de poupança e orçamentos específicos para determinado tipo de despesas, que são monitorizados pela app.

A app está disponível nas lojas de aplicações da Apple e da Google para clientes CGD com contrato Caixadirecta ativo. A CGD deverá disponibilizar a app para não-clientes brevemente.

A nova app surgiu no âmbito do Programa de Transformação Digital da CGD e resulta de uma parceria com a fintech sueca Tink. A Tink é parceiras de outras instituições financeiras como a PayPal, a NatWest, a ABN AMRO, a BNP Paribas Fortis ou a Nordea.