Negócios

Pagaqui formalizou parceria com Alipay

A empresa portuguesa do sector dos pagamentos formalizou uma parceria com a empresa de pagamentos digitais, móveis e online da China.

A Pagaqui anunciou a formalização de uma parceria com a Alipay com o objetivo de estabelecer uma rede de aceitação de pagamentos para os utilizadores Alipay em Portugal.

A Pagaqui é uma empresa portuguesa do sector dos pagamentos e a Alipay opera igualmente nos pagamentos digitais, sendo, de acordo com comunicado de imprensa “a maior plataforma de pagamentos móveis e online da China.

A parceria surge na sequência do patrocínio de oito anos da Alipay à Liga das Nações, organizada pela UEFA. A primeira edição irá realizar em junho, no Porto e em Guimarães. O objetivo é facilitar, num primeiro momento, as transações dos utilizadores Alipay nos estabelecimentos comerciais nacionais destas duas cidades.

A carteira digital Alipay, através da leitura de um QRCode, será aceite através da plataforma de pagamentos da Pagaqui. A solução estará disponível em estabelecimentos comerciais parceiros da Pagaqui.

A “Pagaqui será o parceiro estratégico dos pagamentos Alipay no âmbito da Liga das Nações”, explica João Barros, CEO da Pagaqui. O patrocinador da competição antecipa a presença de “uma enorme comitiva de empresários e turistas chineses ao nosso país”, referiu o responsável. Tendo em conta que “cerca de 99% dos turistas chineses que visitam Portugal utilizam Alipay é absolutamente estratégico uma parceria com a marca de modo a facilitar a sua estadia”, conclui.

Segundo comunicado, permitir os pagamentos com Alipay irá dar à Pagaqui “uma vantagem competitiva essencialmente para o mercado chinês que visita Portugal e que tem vindo a registar um aumento significativo nos últimos anos”. A empresa cita dados que referem que, em 2017, cerca de 260 mil chineses visitaram o nosso país, mais 40% que no ano anterior, e que gastaram 130 milhões de euros em território nacional.