Estratégia

IfThenPay continua a crescer e prepara internacionalização

A IfThenPay está a preparar a internacionalização dos serviços em 2019. O volume de negócios continua a crescer acentuadamente.

A internacionalização é um dos próximos passos da IfThenPay. Os responsáveis da empresa não têm pressa e estão a procurar o parceiro ideal para esta evolução.

Esta estratégia é um “passo natural da nossa estratégia de crescimento”, mas “implicará encontrar um parceiro alinhado com a estratégia” da IfThenPay, disse Filipe Moura, co-CEO e co-fundador da empresa, à margem da conferência de imprensa de apresentação dos resultados anuais. A internacionalização, concretizada em exportação de serviços, deverá começar por países da zona SEPA.

Para esta internacionalização, a empresa está a estudar um “novo método de pagamento internacional próprio e inovador”, referiu o responsável sem avançar grandes detalhes sobre o mesmo método. O segredo é a alma do negócio.

A empresa de Santa Maria da Feira, que se dedica à emissão e gestão de referências multibanco partilhadas para empresas, tem pautado a sua actividade por uma taxa de crescimento acima do habitual desde a sua criação, em 2005. Nessa altura “ainda não se falava de fintech”, recorda Filipe Moura.

Crescimento acentuado

A empresa apresentou um volume de negócios de 1,78 milhões de euros em 2018, o que representou um crescimento de 25% face ao ano anterior. O lucro superou os 100 mil euros.

Pala plataforma passou um volume de pagamentos de mais de 431 milhões de euros, mais 38% que no ano anterior, destinados a mais de 13 mil entidades aderentes. Para 2019, a empresa espera atingir os 530 milhões de volume movimentado e até 15 mil entidades aderentes.

A empresa tem-se igualmente focado no investimento que se destinou, em 2018, envolvendo as componentes de equipas e sistemas, construção de um novo centro de reuniões e publicidade.

Entre outros aspectos, o investimento focou-se no “desenvolvimento dos sistemas, a integração do MB Way com as referências multibanco em novas plataformas de e-commerce e o desenvolvimento de novas funcionalidades da app IfThenPay”. Além disso, “construímos um novo centro de reuniões, um projecto elaborado pelo arquiteto Rui Nogueira, que nos permite melhorar o atendimento aos clientes”, assinalou Filipe Moura, co-CEO e co-fundador da empresa.

Recorde-se que a IfThenPay superou, em 2018, a fasquia dos mil milhões de euros de valor de transacções acumulado desde a sua criação, ultrapassando as 13 mil entidades aderentes ao serviço em 2018.