Internacionalização

MatchPlace e Buyin.pt querem ajudar empresas a exportar

As duas startups firmaram uma parceria com o objetivo de apoiar a internacionalização dos clientes do e-marketplace B2B através da prestação de serviços de pagamento e operações cambiais.

A BuyinPortugal e a MatchPlace firmaram uma parceria estratégia com o objectivo de apoiar as empresas exportadoras daquele e-marketplace B2B através dos serviços de pagamentos em moedas estrangeiras e operações cambiais facilitadas pela empresa luso-britânica.

As empresas reconhecem “vantagens na celebração deste acordo de cooperação que permitirá maximizar os benefícios decorrentes das sinergias encontradas entre as duas partes, aliando a capacidade e know-how na área de serviços de pagamento e operações cambiais da MatchPlace às vantagens do e-marketplace B2B (BuyinPortugal.pt) de exportadores portugueses”, explicam em comunicado conjunto.

A BuyinPortugal gere um e-marketplace B2B que promove a interligação entre empresas exportadoras portuguesas e compradores internacionais. Por seu lado a fintech luso-britânica MatchPlace desenvolveu um modelo de prestação de serviços de operações cambiais e pagamentos em moeda estrangeira, com foco em PME.

A mesma nota avança que esta parceria “permitirá alavancar o negócio de ambas as partes e valorizar a oferta dos serviços prestados pela BuyinPortugal.pt em benefício do cliente”.

“Esta parceria surge com a intenção de facilitar a relação de empresas portuguesas com o mercado internacional.” Ricardo Wallis, CEO da Buyin.pt

A MatchPlace tem escritórios em Londres e Lisboa e, através da plataforma MatchPlaceFX, agrega novas soluções tecnológicas desenvolvidas por fintechs e soluções provenientes de prestadores de serviços financeiros clássicos.

“Esta parceria surge com a intenção de facilitar a relação de empresas portuguesas com o mercado internacional”, sublinha Ricardo Wallis, CEO da Buyin.pt. Objectivo partilhado com Benjamin Gedeon, CEO da MatchPlace que considera que “através da tecnologia nós trazemos soluções a preços competitivos para desenvolver o volume de negócios de importadores e exportadores portugueses”.