Bilhética

Via Verde para o comboio

fertagus

Um smartphone e uma app é o que basta para o novo conceito de mobilidade pensado pela Fertagus, a Via Verde Portugal e a Novabase. O sistema, que que sustenta este novo conceito de titulo de transporte, assenta numa lógica Smart-Pay-As-You-Go, ou seja, numa app que calcula automaticamente a tarifa mais vantajosa para o utilizador, de acordo com o percurso que este efetuou.

Na prática a solução desenvolvida baseia-se numa app Via Verde para smartphones com sistemas operativos Android ou iOS. Para viajar, o cliente terá de efetuar o check in no local de partida e, quando terminar a viagem, realizar o check out na estação de chegada. A componente de cobrança eletrónica está a cargo da SIBS.

A aplicação começou esta semana a ser testada, num piloto, nos comboios da Fertagus, que asseguram a ligação Lisboa-Setúbal, dando ao telemóvel o poder de funcionar como um titulo de transporte virtual, que além do acesso ao comboio permitirá ao cliente obter outras vantagens. O produto final deverá estar disponível no início de 2017.

O cliente deverá utilizar a app para se registar e poder utilizar o serviço da Fertagus, criando ou utilizando com esse fim a sua conta Via Verde Mobilidade. As viagens efetuadas serão cobradas após a utilização e à melhor tarifa, através da conta Via Verde Mobilidade.

Com o aumento das utilizações, o sistema irá proporcionar descontos nas viagens efetuadas, resultante das otimizações tarifárias. No período de um mês, caso ultrapasse um determinado número de viagens, o cliente passará a viajar gratuitamente nessa origem/destino, como se de um passe se tratasse.

Com este projeto, as entidades envolvidas pretendem melhorar a experiência de utilização do transporte público, simplificando o planeamento, a compra de viagens e a interação com o operador de transportes. Ao mesmo tempo asseguram o controlo de custos ao passageiro, proporcionando-lhe a tarifa mais adequada, face à sua necessidade específica de deslocação.

Outra das vantagens da app será poder vir a gerir as viagens das famílias, permitindo, através da conta da Via Verde Mobilidade, a utilização de contas associadas, nomeadamente dos filhos.

No roadmap de desenvolvimento da aplicação está ainda prevista a possibilidade de planeamento da viagem, sendo possível o cliente identificar através da aplicação, o ponto de origem e destino e quais as opções de transporte público existente, disponíveis e os respetivos horários, dando-lhe a oportunidade de escolher em função do preço e do tempo de percurso.